Projeto Emana – COEPI oferece 10 meses de programação cultural em Pirenópolis

Exibição: 21/10 até 16/08

A Comunidade Educacional de Pirenópolis (COEPI) inicia neste mês de outubro o projeto EMANA – Encontros de Música, Arte, Natureza e Alimentação. Contemplado pelo Edital 2017 de Dinamização de Espaços Culturais, do Fundo de Arte e Cultura de Goiás (FAC) na categoria Programação em espaços culturais públicos (prefeituras) ou privados no Estado de Goiás, no valor de R$100 mil, o projeto prevê a programação do espaço por 10 meses, visando a ampliação e fidelização do público e o desenvolvimento sustentável das atividades.

Regularmente, o espaço vai oferecer quatro eventos abertos à comunidade: Feirança, Cine COEPi, Sarau Ambiental e Circuito Dandô. A intenção é manter e ampliar uma programação cultural na COEPi e melhorar as condições estruturais de sua sede para a realização e recepção de espetáculos dos mais variados formatos, para os mais diversos públicos.

Conheça um pouco de cada um desses eventos e programe-se!

 

FEIRANÇA

A Feirança é um encontro mensal para comercialização e troca de produtos orgânicos e artesanais realizado na COEPi em Pirenópolis (GO). Baseada nos princípios da economia solidária, a Feirança visa fortalecer laços entre pessoas que plantam e que enxergam a importância de uma alimentação mais saudável para sua família e sustentável para o planeta. Um dia para trocar ideias e produtos, para tomar um cafezinho gostoso, conhecer gente nova e somar em ações coletivas.

Na programação tem sempre uma atividade para a criançada, palco aberto para música, bingo, bazar e alguma atração temática do mês. Os expositores de produtores orgânicos ou artesanatos montam suas bancas de forma espontânea e conforme vão chegando, vão ocupando e colorindo o gramado.

Realizada desde outubro de 2017, a Feirança ganha agora um novo impulso integrando a série de eventos do projeto EMANA. Uma das ações de destaque, é que através do projeto será disponibilizado um transporte a cada edição para moradores e produtores de orgânicos de diferentes povoados de Pirenópolis. O primeiro povoado contemplado foi o de Caxambu e os próximos serão Lagolândia e Placa na edição do dia 12 de novembro.

Toda segunda segunda-feira do mês a partir das 17h. Entrada franca

Próximas edições: 12 de novembro e 10 de dezembro de 2018

 

CINE COEPI

Uma parede branca, um projetor e muita vontade de assistir filmes. Foi assim que começou o CineCoepi em 2016, apresentando filmes nacionais e internacionais diferenciados, seguidos de bate-papo com a plateia ao final da sessão. A cada encontro, que acontece todas às sextas-feiras, são exibidos um curta-metragem (geralmente fora do circuito comercial ou produções da própria instituição) e um longa.

A seleção de filmes é apresentada e decidida pelo próprio público em grupos específicos do CineCoepi em redes sociais. Nas noites secas típicas do cerrado, são realizadas sessões ao ar livre.

Com apoio do projeto EMANA, o Cine vai adquirir mais cadeiras e um novo projetor, mais possante e moderno para melhor qualidade das exibições.

Toda sexta-feira às 19:30h. Entrada franca

 

CIRCUITO DANDÔ

O “Dandô – Circuito de Música Dércio Marques” é uma caravana musical iniciada em 2013, projeto reconhecido pelo Prêmio Brasil Criativo (ProjectHub|Minc) e Prêmio Profissionais da Música, que realiza um circuito anual de música com foco no intercâmbio, criação de redes colaborativas, mostra de diversidades sonoras e formação de novos públicos. O projeto idealizado por Kátya Teixeira e de gestão coletiva, tem em seu nome uma homenagem a Dércio Marques, natural de Uberaba, que foi um dos cantadores que mais fez pela arte nos “Brasis” que estão fora do eixo de mídia de massa, unindo artistas de toda parte, de várias gerações, estilos e culturas,

O Dandô é formado por circuitos regionais compostos por 3 a 5 cidades em vários cantos do Brasil. O Circuito GO-DF é formado por Brasília, Goiânia, Alto Paraíso e Pirenópolis, sendo nesta última sediado na COEPi, integrando agora a programação do projeto EMANA.

O evento acontece bimestralmente e já recebeu diversos músicos do Brasil e do exterior como José Delgado da Venezuela, Maryta de Humayhuaca da Argentina e Tita Parra (neta de Violeta Parra) do Chile.

A próxima edição será no dia 16 de novembro às 20h recebendo a cantautora Manu Saggioro, de Bauru-SP. Ingressos R$ 10,00

Formada em música pela USC, Bauru (SP), Manu Saggioro é cantora, instrumentista e compositora. Já gravou em discos de Levi Ramiro, Carlinhos Campos, Déa Trancoso e outros. Seu primeiro disco solo, metade autoral metade inédito, está sendo lançado neste ano de 2018.

O álbum de nome “Clarões” foi produzido pela cantora mineira Ceumar e conta com composições de Tetê Espíndola, Levi Ramiro, Osvaldo Borgez, e Ceumar. Idealizadora do projeto Jardim Cultural, no qual atua em Bauru desde 2009, Manu também faz a coordenação artística no Espaço Gaia – Espaço Terapêutico e Cultural que sedia os projetos musicais Dandô (Circuito de Música Dércio Marques) e o Festival Sonora – Ciclo de Compositoras na cidade de Bauru (SP).

 

SARAU AMBIENTAL

O Sarau Ambiental é um evento realizado pela COEPi desde 2004, com objetivo de sensibilizar e provocar a reflexão da comunidade local sobre temas ambientais relevantes da região dos Cerrados, do Brasil e do mundo. A cada edição é convidado um especialista para apresentar o tema, aberto ao debate com o público. Em seguida, encerrando e colorindo o evento é feita uma apresentação artística. Em sua primeira fase, o Sarau Ambiental teve periodicidade mensal, nos últimos anos foram promovidas algumas edições extraordinárias e em setembro de 2017 foi retomado regularmente.

Na última edição de 21 de outubro tivemos a presença do professor  Kelerson Semerene da UnB conversando sobre seu livro: “Meia Ponte: História e Meio Ambiente” e apresentação musical com ZiriguiDuo.

A próxima edição será no dia 25 de novembro às 19h com convidados a serem confirmados.

 

Mais informações: (62) 3331-1990

 

Comunidade Educacional de Pirenópolis – COEPi

Fundo de Arte e Cultura de Goiás – FAC

Autores: COEPi

Categoria de financiamento: Dinamização de Espaços Culturais